Via Francigena na Toscana se candidata à Unesco – Via Francigena in Tuscany has applied to UNESCO

A região da Toscana será a líder do projeto para se obter o reconhecimento da antiga rota de peregrinação rica em historia, arte e tradições.

 

Parte da candidatura da Via Francigena italiana na  Toscana para entrar na lista de locais reconhecidos pela UNESCO Património da Humanidade. Esta indicação resultou de uma reunião que foi realizada ontem em Florença, juntamente com a Região da Toscana Michele Giovannelli da Associação Europeia da Via Francigena e representantes das regiões da Lombardia e Emilia Romagna.

 

Toscana, mais uma vez expressou sua vontade de agir como um líder do projeto, por boca da vicepresidente e acessora da cultura Monica Barni, de acessoria e infraestrutura Stefano Ciuffo, e do conselho regional Francesco Gazzetti. Una proposta aceita por todos os presentes.

E também reiterou o papel fundamental da Associação Europeia da Via Francigena que, através do seu Comité Científico, irá fornecer o apoio técnico necessário para a identificação e exploração das muitas ofertas culturais que o rico trecho italiano da Via Francigena tem; bem capaz de agir como um foco de atração da indústria no desenvolvimento do chamado turismo experiencial.

Em suma, o objectivo será a elaboração de um memorando de entendimento entre as regiões envolvidas, o que irá formalizar o compartilhamento do caminho para o reconhecimento da Unesco.

Fonte

 

 

The region of Tuscany will be the leader of the project to obtain the recognition of the ancient route of pilgrimage rich in history, art and traditions.

Part of the application of the Via Francigena in Tuscany Italian to enter the list of sites recognized by UNESCO World Heritage Site. This statement resulted from a meeting that was held yesterday in Florence, together with the region of Tuscany Michele Giovannelli of the European Association of the Via Francigena and representatives of the regions of Lombardy and Emilia Romagna.

Tuscany, once again expressed its willingness to act as a project leader for the mouth of the vice president and acessora Monica Barni culture, acessoria and infrastructure Stefano Ciuffo, and the Regional Council Francesco Gazzetti. Una proposal accepted by all present.

It also reiterated the key role of the European Via Francigena Association, through its Scientific Committee, will provide the necessary technical support for the identification and exploitation of the many cultural offerings that rich Italian stretch of the Via Francigena has; and able to act as an industry attracting focus on the development of so-called experiential tourism.

In short, the aim will be to draw up a memorandum of understanding between the regions concerned, which will formalize the sharing of the way for the recognition of UNESCO.

 

Source

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?