La Storta to St. Peter walking on Sunday in Francigena – De La Storta a São Pedro: passear no domingo na Francigena

Sunday 10 April, organized by the XIV and XV Hall, major event focused on the Via Francigena. At 8.30 it will launch the second edition of “16,500 steps for a pilgrim”, departing at 08h30 Vision of the Church in La Storta.

It is a long journey that will travel the last leg of Via Francigena at the entrance to Rome, La Storta, Square Vision, a San Pietro.
A journey full of charm with about 18 km that crosses dense stretches of urban settlements such as the Via Cassia and Via Trionfale, but also some wonderful natural sights such as the Variante della Castelluccia and dell’Insugherata Reserve.

The initiative, now in its second edition, is designed by Stefano Cardarelli, the Hall of Rome Tour Head XIV, with the collaboration of the Centre for the Via Francigena of Municipio Roma XV, who, a few months after its creation, he immediately he joined the event.

The Via Francigena is an extraordinary wealth of the city of Rome and throughout the country, “said Valerio Barletta, Mayor XIV recalling that” for years thousands of pilgrims flock to the old ways that led from Canterbury to the Eternal City, between countries , cultures, places and cities that have made the history of Western Christianity. While maintaining its journey spiritual vocation, even in the jubilee, the Via Francigena today receives an increasing number of people, backpackers, run along the route of the Middle Ages.

Source

Domingo 10 de abril, organizado pela XIV e XV Hall, grande evento focado na Via Francigena. Em 8,30 que vai lançar a segunda edição do “16.500 etapas para um peregrino”, com partida às 08h30 da Igreja da Visão, em La Storta.

É uma longa caminhada que percorrerá a última etapa da Via Francigena na entrada a Roma, La Storta, Praça Vision, a San Pietro.
Uma viagem cheia de charme junto cerca de 18 km que atravessa trechos densos de assentamentos urbanos, como a Via Cassia e Via Trionfale, mas também algumas maravilhosas vistas naturais, tais como a Variante della Castelluccia e dell’Insugherata Reserve.

A iniciativa, agora em sua segunda edição, é desenhado por Stefano Cardarelli, o Hall da Cabeça de turismo de Roma XIV, com a colaboração do Observatório para a Via Francigena do Municipio Roma XV, que, poucos meses após a sua criação, imediatamente ele se juntou ao evento.

A Via Francigena representa uma extraordinária riqueza da cidade de Roma e em todo o país”, disse Valerio Barletta, Presidente da Câmara Municipal XIV recordando que “durante anos milhares de peregrinos lotam os velhos caminhos que levaram de Canterbury  a Cidade Eterna, entre os países, culturas, lugares e cidades que fizeram a história do cristianismo ocidental. Embora mantendo a sua jornada vocação espiritual, ainda mais no ano do jubileu, a Via Francigena hoje recebe um número crescente de pessoas, mochileiros, percorrem a rota da idade média. “

É uma caminhada de inquestionável importância histórica e cultural que revela as maravilhas da Via Francigena, uma herança preciosa que une a prefeitura e o décimo quarto, unido sobre esta importante ocasião,” ecoa Daniel Torquato, presidente do Distrito XV, que quer agradecer “o empenho e profissionalismo do Observatório para a Via Francigena e seu Coordenador Gianni Rescignano. Poucos meses após a sua criação, o Centro já produziu bons resultados na sua tarefa de melhorar e promover o imenso património natural e cultural do nosso território.

Fonte

Total 0 Votes
0

Tell us how can we improve this post?

+ = Verify Human or Spambot ?